Ao continuar navegando neste site ou fechar esta janela, você aceita o uso de cookies destinados a realizar estatísticas de visitas, bem como lhe propor vídeos, botões de compartilhamento, anúncios personalizados e um serviço de chat. Para saber mais e configuração de cookies X

FR EN ES PT

Como o nosso Mundo dos Doze é grande! Como ele é lindo! Você já explorou o lado primitivo dele na ilha de Moon, então agora entre em perfeita harmonia com a natureza seguindo os conselhos do guia de viagens Smif Advaizor. Onde? No Reino Sadida, ora bolas!

Ogrest não é o único que maltrata o nosso mundo…

Nós também causamos muitos transtornos no meio ambiente: os escapamentos emitem Stasis na atmosfera, a pesca excessiva esvazia o mar Mota de seus Pesks, a criação intensiva de Dragoperus polui o ar e os lençóis freáticos, sem contar todos os Porkassos que jogam seus detritos em qualquer canto! Ainda bem que selecionamos para você um santuário de paz em que os aventureiros defendem a flora sem jamais pisotear a mais fina flor do nosso mundo: o Reino Sadida!

Pulmão do Mundo dos Doze

Árvores a perder de vista, arbustos em abundância, samambaias exuberantes, mato em profusão... Você já entendeu: no Reino Sadida, é uma fartura de verde que te quero verde, ar puro e natureza que é uma beleza.
 

Floresta, vilarejos e acomodações: por todo canto em meio à natureza!

Seja uma escapada no final de semana ou uma estadia mais longa, o Reino Sadida é o lugar ideal para recarregar as energias, mesmo que você esteja duro, duro, duro de marré deci. Isso mesmo, tem que aproveitar enquanto os passeios pela natureza ainda são de graça! Venha com seus pimpolhos curtir a vida ao ar livre e mostre para eles o seu lado hippie, com programas naturebas e brincadeiras de bicho-grilo.

Arena de combate

O mito do bom selvagem nem sempre se revela verdadeiro com os Sadidas. Após alguns tragos, esse povo altivo tem tendência a encrespar com o primeiro que pisar na jaca: basta falar alguma abobrinha ou não resolver um pepino que eles piram na batatinha e mandam você catar coquinho. As brigas são tão frequentes que uma arena de combate lhes permite acertar as contas com os outros mandando tudo às favas. Um belo costume do local!

Prisão

Parada quase obrigatória após a arena de combate, você vai adorar passar uma noite inesquecível em uma cela aconchegante ou uma masmorra feita de cocô de Papatudo revestido por concreto polido. Essa acomodação promove um clima convivial que pode surpreender quem não está acostumado: você talvez passe a noite com um outro hóspede, por exemplo, ou seja impedido de jantar se uma gangue de detentos assim decidir. É isso mesmo: a prisão é o lugar ideal para sair da sua zona de conforto!

Santuário da Árvore da Vida

Se você tiver a oportunidade de atravessar as portas do santuário, deixe seu ceticismo do lado de fora e abra os braços para a espiritualidade. Este lugar místico ainda preservado do turismo de massa é tão fascinante para os olhos quanto para a mente. Durante essa viagem incrível, você precisará se entregar de corpo e alma quando a sua consciência e imaginação decidirem mergulhar de cabeça no delírio... Sua busca por espiritualidade terminará com a contemplação do bem mais precioso dos Sadidas, o vegetal que eles mais veneram: a Árvore da Vida.

Leia em breve um novo trecho do guia de viagens Smif Advaizor!

Enquanto isso, vá respirar ar puro e ficar em contato direto com a natureza no Reino Sadida!

Quem somos nós?

Olá, meu nome é Advaizor Smif. Há mais de 500 anos, minha família trabalha no ramo do turismo e organização de viagens. Na Era dos Dofus, meu tatara-tatara-tatara-tatara-tatara-tatara... hum... meu ancestral Renibol Smif já dirigia a maior agência de viagens do Krosmoz: a famosa Agência de Turismo Classe A.

Hoje, eu recolho para vocês recomendações turísticas úteis feitas por viajantes novatos e experientes. Cada guia de viagem Smif Advaizor reúne milhares de críticas e conselhos turísticos feitos pelos próprios clientes de hospedarias, tabernas, restaurantes, locais de lazer e de atividades esportivas em todas as cidades e regiões do Mundo dos Doze.

Nosso segredo? Comentários 24 horas por dia nos quatro cantos do Mundo dos Doze graças a um feitiço mágico exclusivo. Assim, os aventureiros que sabem esse feitiço podem “escrever” no ar com seus dedos para nos enviarem suas críticas a qualquer momento. Embora não sejamos responsáveis pelo teor dos comentários feitos, zelamos para que não sejam difundidas mensagens que pareçam (demasiado) ofensivas.