Ao continuar navegando neste site ou fechar esta janela, você aceita o uso de cookies destinados a realizar estatísticas de visitas, bem como lhe propor vídeos, botões de compartilhamento, anúncios personalizados e um serviço de chat. Para saber mais e configuração de cookies X

FR EN ES PT
Procurar nos fóruns 
Rastreadores Ankama

Um bambuzeiro nunca deixa seu bambuzal...

Por [Ankama]WAKFU - ADMINISTRADOR - 26 Junho 2019 - 16:00:00
AnkaTracker Notícias

Mãos no coração. Olhos fechados. Respirando com a barriga... Expirando profundamente... “Pfff...”

Pandiego começava sua terceira saudação ao sol. O som calmante das quedas d’água aos arredores e a vista incomparável do local criavam um ambiente ideal para sua sessão diária de ioga. Quem diria que Pandiego, com sua cara de Pandawa bruto e ignorante, teria um lado mais sábio desconhecido por todos. De certa forma, até sensível...

 

Pandaluzia, a terra que acolheu os Pandawas quando Pandala ficou submersa pelas águas do Caos de Ogrest, é um verdadeiro Ingloriom na terra. Com suas paisagens verdejantes, suas diversas fontes de água, seus altos cumes e suas habitações de bambu com decorações zen despojadas , dá para entender por que ela abriga muitos dozeanos cansados do ritmo da cidade.

Mãos sobre a cabeça. Coluna reta. Saudação ao sol. Kilorf, cabeça para cima. Kilorf, cabeça para baixo.

Respirando com a barriga...

Expirando profundamente...

Sentado de pernas cruzadas sobre o antebraço da estátua do Grande Puda, Pandiego era tomado por um sentimento gostoso de serenidade. Inebriantes, quase como uma boa dose de leite de bambu fermentado, esses momentos de descanso que ele se permitia ter lhe davam a energia necessária para enfrentar seu cotidiano de aventureiro.

 

Mas naquele dia, ele não estava conseguindo se concentrar direito... Uma jovem aventureira ocupava sua mente, impedindo que ele entrasse plenamente no momento, que curtisse o presente... Não tinha jeito. Até a melodia usualmente tão apreciada das cascatas de água fresca martelava sua cabeça, deixando confuso qualquer pensamento que tivesse. Sua cabeça estava meiorevirada.

Ele precisava se mexer.

Pandiego decidiu andar um pouco ao lado do bambuzal. Ele não sabia dizer a razão, mas aquele lugar tinha alguma coisa que o acalmava. No caminho, as flores que balançavam com o vento ofereciam um espetáculo admirável. Mas quando seu olhar pousou sobre uma delas, a primeira coisa que lhe veio à mente foi a flor que a jovem Pandawa carregava nos cabelos.

 

Onde quer que ele olhasse, lá estava ela...

Pandiego e ela tiveram apenas um contato muito breve. Na época, ele a ajudou quando ela estava brigando com os Pandarides no meio do Pântano Salgado. Ele só precisou de um olhar para se render aos encantos dessa aventureira de personalidade forte...

De tanto ficar isolado em seu laboratório, Pandiego quase havia esquecido como era esse sentimento forte de apego aos outros... A chegada dessa jovem aventureira caiu como uma bomba em sua vida. Despertando o lado sentimental que estava profundamente escondido dentro de si. Ele continuou sua caminhada ao lado do Cume das Mil Brumas, deitou no chão e fechou os olhos... Apreciando a doce carícia da  grama em sua pele.

 

E se ele fosse encontrá-la?

“Um bambuzeiro nunca deixa seu bambuzal”, ele costumava dizer... Não dessa vez. Sem pensar direito, o Pandawa foi correndo para o Porto de Chendu. Ele estava decidido a embarcar no primeiro navio que fosse para o continente, onde a jovem mulher havia dito que estaria. Enquanto esperava um navio atracado partir em viagem, Pandiego gastou o tempo jogando pedrinhas no mar, sentado sobre a doca .

Mergulhado em seus pensamentos, ele não tirava os olhos das ondas da água. De repente, desenhou-se um reflexo. O de um rosto agradável de se olhar. Onde quer que ele olhasse, lá estava ela. Em todos os cantos do Krosmoz. Em todos os sonhos dos quais não queria acordar...

 

Mas agora ele não estava sonhando. Ela estava mesmo ali, à sua espera.

Um bambuzeiro nunca deixa seu bambuzal...

Sinta você também essas sensações típicas de Pandaluzia. Venha conhecer as últimas melhorias gráficas e músicas inéditas na próxima atualização 1.64!

Reações 11
Pontuação : 4087

Meu Deus... como é lindo ç.ç

0 -1
Pontuação : 83

Música de primeira qualidade.

0 -1
Pontuação : -12

Muito bom o texto, Pandiego o garanhão.

0 -1
Pontuação : -50

Tudo muito lindo exceto por serem capturaveis apenas 2 mobs de qualidade/utilidade duvidosa.

1 -2
Pontuação : 12

Haja saco pra aguentar esses osamodas mimados que a cada novo mob que aparece no jogo acham que a empresa tem por obrigação colocar mais invocações exclusivas e fodásticas pra raça deles sendo que osa já tem um quadro bem completo de invocações. rolleyes

1 -3
Pontuação : -1

Como faz para ir para lá?Sou novo no jogo,não entendo muito.Gostei dos gráficos,olhei uns vídeos no You Tube muito bonitooooooooo

0 -1
Pontuação : 25

só dia 2 ou 3 se n me engano

0 0
Pontuação : 10

Gente, já ta disponivel? como faz pra ir pra la?

0 -1
Pontuação : 25

dia 2 ou 3 vai ter a att

0 -1
Pontuação : -50

 

olarfalimeuamigo|28/06/2019 - 01:00:48
Haja saco pra aguentar esses osamodas mimados que a cada novo mob que aparece no jogo acham que a empresa tem por obrigação colocar mais invocações exclusivas e fodásticas pra raça deles sendo que osa já tem um quadro bem completo de invocações. rolleyes

Completo pra você  né meu bem e se está satisfeito, que bom pra ti queridxs ?!  Pra mim quanto mais houver melhor !  Eu quero é mais e mais summons  poderosíssimos, principalmente eu que tenho aversão à PvP, minha unica diversão e desfrute advém do  PvM! Já não bastasse os  summons  podres de alguns dos níveis ajustáveis.  Anyway 
1 -3
Pontuação : 1797

Ai meu java!

0 0
Comentar neste tópico